SINRENSE, 0 – OLHANENSE, 0

SINSCO201920_.jpg

Mesmo em inferioridade numérica, os rubro-negros dominaram sempre a partida

Parque de Jogos do Sintrense, em Sintra
Árbitro: Luís Reforço (AF Setúbal)

SINTRENSE: Nuno Hidalgo; Tiago Manso, Kiki Ballack, Hugo Pina, Miguel Ângelo e Fábio Pala; Martim Águas (Rodrigo Parreira, 81′), Tiago Feiteira e Nob; Pedro Bonifácio (Léo Tomé, 71′) e Herlander.
Treinador: Tiago Zorro
Suplentes não utilizados: João Silva (GR), Diogo Alves, Diogo Castro, Rui Calvino e David Lopes

OLHANENSE: Rodrigo; Carlitos, Muscat, Joshua e Lelo; Caleb, Tiago Jogo (Edu Pinheiro, 90′) Leleco e Sapara (Diogo Martins, 79′); João Vasco e Hassan (Vasco Coelho, 60′)
Treinador: Bruno Ribeiro
Suplentes não utilizados: Ruben Dionísio (GR), Djamanca, Goncalo Duarte e Rafael Floro

Amarelos: Fábio Pala (34′), Joshua (52′ e 55′), Tiago Manso (63′), Kiki Ballack (76′), Vasco Coelho (78′) e Tiago Feiteira (80′)
Vermelho: Joshua (55′) por acumulação

Publicado em Uncategorized

RUBRO-NEGROS JOGAM EM SINTRA

SINSCO201920_cartaz

Cartaz da partida

O Olhanense joga este Domingo em Sintra, pelas 15h00, frente a um dos candidatos à fase de subida, que tem menos oito pontos do que nós e que tem um registo muito positivo nos últimos sete jogos: sete vitórias.

Bruno Ribeiro já poderá contar com Muscat e Guilherme, que cumpriram castigo na última jornada, e com o mais recente reforço, Vasco Coelho, que já está inscrito, ao contrário do avançado Sibusiso Shibane.

No canal de “YouTube” do Sintrense SAD podemos ver um VÍDEO com a antevisão à partida, com declarações do técnico Tiago Zorro e do jogador Fábio Pala.

Publicado em Uncategorized

REGRESSO A SINTRA 16 ANOS DEPOIS

SINTRA 0304

A nossa equipa em Sintra, em 2003/04, saudada pelos seus adeptos presentes

O Olhanense joga em Sintra no próximo Domingo e, em termos de histórico de embates entre os dois emblemas, este é um velho conhecido desde a década de sessenta do século passado, sempre na antiga 2.ª Divisão e depois, desde os anos noventa, na 2.ª Divisão B.

A última vez que jogámos em casa deste nosso adversário foi na temporada 2003/04, na Zona Sul da 2.ª Divisão B, e o resultado foi um empate 2-2 (os nossos golos foram apontados por Brito e Livramento).

A última vitória obtida em Sintra foi há vinte anos, na temporada 1998/99, por 2-1. Os nossos goleadores foram José Carlos Pires e Bebeto, enquanto que pela equipa da casa marcou o nosso futuro jogador Toy, que 10 anos depois foi o autor do famoso golo que valeu a subida ao escalão principal, em Gondomar.

Como última nota de curiosidade, actualmente no Sintrense alinham dois ex-atletas rubro-negros, o defesa central Miguel Ângelo e o avançado Rodrigo Parreira (vestiram a nossa camisola em 2009/10 e em 2017/18, respectivamente).

Publicado em Uncategorized

VASCO COELHO PARA A DEFESA

vascocoelho_relato

FOTO: Relato.pt

Para colmatar a saída de Rafael Tavares, o Olhanense contratou o defesa central VASCO COELHO, que representou o Fátima até ao último Domingo (fez 9 jogos e marcou 4 golos), depois de uma experiência no estrangeiro na temporada passada, ao serviço dos sauditas do Al-Washam.

Este atleta de 25 anos fez a maior parte da sua formação no Real Massamá, com passagens também pelo Benfica e pelo Casa Pia, e como sénior destacou-se ao serviço do Loures e transferiu-se para o Sporting de Braga B, onde esteve meio ano.

Jogou maioritariamente no antigo CNS e no actual Campeonato de Portugal, mas em 2017/18 jogou também na 2.ª Liga ao serviço do Real.

No início deste mês, o site NOTÍCIAS AO MINUTO publicou uma entrevista com o jogador, que fala da usa carreira no geral e sobre o regresso a Portugal no verão passado, e o desenvolvimento recente da sua «veia goleadora».

Publicado em Uncategorized

RAFAEL TAVARES TAMBÉM VAI PARA BRAGA

O Sporting de Braga registou o contrato do nosso ex-atleta Rafael Tavares, segundo se pode ver na lista publicada no site da LIGA, como «transferência nacional».

O defesa central de 20 anos vestiu a nossa camisola em 10 jogos oficiais (nove para o campeonato e um na Taça de Portugal) e marcou um golo (exactamente na última partida que disputou, em Pinhal Novo).

“Rafa”, como também é conhecido, chegou a Olhão oriundo da Académica de Coimbra (onde actuou na equipa de sub23), depois de ter feito a maior parte da sua formação no Feirense, com passagens pela Casa de Benfica de Estarreja no início e pelo Paços de Ferreira no último ano de júnior.

Publicado em Uncategorized

NOVAMENTE ISOLADOS NA LIDERANÇA

class201920_jorn16Não poderia ter corrido da melhor maneira o regresso ao José Arcanjo e a estreia do novo treinador, pois além do nosso triunfo beneficiámos da derrota do Real frente ao 1.º de Dezembro e estamos agora novamente isolados no topo da classificação.

Os terceiro e quartos classificados, Alverca, Louletano e Sintrense (o nosso próximo adversário) venceram os respectivos jogos e, como tal, não conseguimos aumentar a distância pontual no que se refere à “linha” que marca o acesso aos lugares de acesso ao play-off.

O nosso melhor marcador, Hassan, ficou em branco e foi alcançado na lista de goleadores por David Silva, do Lusitano de Évora, que bisou frente ao Aljustrelense e igualou a dezena de remates concretizados do nosso avançado luso-marroquino.

A uma jornada do final da primeira volta do campeonato chegámos aos 40 golos, cimentando também a “curiosidade” de sermos o melhor ataque das competições nacionais (mais dois golos do que o Benfica e mais três do que o Vizela).

Em relação à partida de ontem, segundo declarações publicadas no jornal RECORD, o novo timoneiro rubro-negro considerou que «Poderíamos ter feito o 2-0 mais cedo, o que tranquilizaria a equipa. Estamos no bom caminho».

Noutro diário desportivo, “A Bola”, pode ler-se no habitual comentário junto à ficha dos jogos: «Difícil mas justa a vitória dos algarvios, com R. Moura a segurar o empate nos descontos».

O jogo foi transmitido na plataforma MYCUJOO e ainda está disponível para visualização na totalidade. Por outro lado, o Oriental publicou um vídeo de 5 minutos com os principais lances da partida na sua página de FACEBOOK.

Publicado em Uncategorized

OLHANENSE, 2 – ORIENTAL, 0

SCOCOL201920_lb.jpg

FOTO: Larry Bawden

Estádio José Arcanjo, em Olhão
Árbitro: João Marques (AF Setúbal)

OLHANENSE: Rodrigo; Carlitos, Edu Pinheiro, Joshua e Lelo; Caleb (Diogo Martins, 68′), Tiago Jogo Leleco e Sapara (Rafael Floro, 86′); João Vasco e Hassan (Djamanca, 90’+05′)
Treinador: Bruno Ribeiro
Suplentes não utilizados: Ruben Dionísio (GR), Fábio, Goncalo Duarte e Touré

ORIENTAL: Fábio Matos; Luís Lucas, Paulo Freitas, Vitor Sanches e David Crespo; David Freire, Malaine (Diogo Tavares, 74′) e Diogo Santos; Vitor Fati (João Costa, 64′), Nelson Landim (Rafael Benavides, 64′) e Ivo Braz.
Treinador: Francisco Barão
Suplentes não utilizados: André Marques (GR), Serginho, Fábio Graça e Rodrigo Souto

Amarelos: Malaine (25′), David Crespo (27′), Paulo Freitas (80′), Diogo Martins (86′) e João Costa (90’+01′)

GOLOS:
1-0 por João Vasco (27′) de G.P.
2-0 por Rafael Floro (90’+04′)

Publicado em Uncategorized