JOGADORES RUBRO-NEGROS NA CAN

Semedo em 2015

Numa altura em que se iniciou a disputa da Taça das Nações Africanas, recordamos quando o nosso emblema forneceu atletas para seleções que disputavam a fase final da prova.

A última vez que isso aconteceu foi em 2017, quando Aldair jogou pela Guiné-Bissau. O extremo natural de Vila Meã foi internacional sub21 por Portugal, mas depois optou por jogar pelos “djurtus”.

Dois anos antes, em 2015 na primeira passagem por Olhão do nosso actual “capitão” Semedo, foi um dos convocados de Cabo Verde.

Mas o maior contingente rubro-negro numa edição do CAN foi em 2013, quando fornecemos três atletas aos “tubarões azuis”: Djaniny, Babanco e David Silva.

Na presente edição da CNA estarão presentes cinco ex-jogadores olhanenses: Jefferson Encada, Pelé e Sori Mané pela Guiné Bissau e Marco Soares e Djaniny por Cabo Verde. Realce também para o técnico português, Toni Conceição, que comanda os Camarões e passou por Olhão na primeira metade da temporada 2014/15.

Noutro continente, mas igualmente a merecer destaque, foi a primeira chamada à seleção colombiana do nosso antigo jogador Daniel Giraldo (tendo em vista um amigável frente a Honduras no próximo dia 16), que agora representa o Júnior de Barranquilla.

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.