AMORA JOGA AMANHÃ NO JOSÉ ARCANJO

O Olhanense faz o segundo de três jogos seguidos em casa, frente ao líder do grupo, que tem duas vitórias e um empate (ou seja, 7 pontos, mais 3 do que a nossa equipa), este Domingo pelas 17h00 em Olhão.

O Amora foi nosso adversário na primeira fase da prova e até à data perdemos os três jogos em que os enfrentámos. Na Serie H perdemos na Medideira por 1-2, naquele que foi até o primeiro jogo do campeonato, e na segunda volta perdemos nas Ferreiras, a nossa casa emprestada de Janeiro a Março, por 0-2.

Na ronda inaugural do play-off voltámos a ser derrotados, novamente por 0-2, mas esperemos que amanhã o desfecho seja mais risonho para as nossas cores, até porque será o primeiro duelo da temporada entre as duas equipas no José Arcanjo.

Curiosamente, apesar de termos disputado o mesmo escalão nas duas últimas temporadas, desde 2004 que o Amora não joga na nossa verdadeira “casa”. Em 2018/19 (vencemos por 3-1) e em 2019/20 (empatámos 2-2) e ambas as partidas foram no Estádio Municipal.

Antes disso as duas equipas só se tinham defrontado em 2003/04, na 32.ª jornada da antiga 2.ª Divisão B. No José Arcanjo a formação rubro-negra, que se sagrou campeã da Zona Sul, venceu por 3-0, com golos do lateral esquerdo Branquinho e do avançado brasileiro Edinho, que bisou.

Estes dois emblemas foram adversários habituais nos escalões secundários nas décadas de 80 e de 90 do século passado, mas os primeiros jogos oficiais remontam aos anos 70. A primeira visita do Amora à então Vila de Olhão da Restauração foi na época 1969/70. Em partida a contar para a Zona D da antiga terceira divisão, vencemos por 1-0, no antigo Estádio Padinha (onde se situa hoje o centro comercial “Algarve Outlet”) e o autor do nosso golo foi Hélder Januário.

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.