SUB-23 JOGAM ESTA SÁBADO NO JOSÉ ARCANJO

cartazSCOBinter201718A equipa B do Olhanense, que disputa habitualmente os seus jogos no relvado sintético do Estádio Municipal, disputa este Sábado a última partida da temporada como anfitrião no José Arcanjo, pelas 18h00.

Esta é a penúltima jornada da 2.ª Divisão Distrital da AF Algarve, sendo que para a derradeira está guardado o dérbi com o Marítimo Olhanense, que também utiliza o campo da autarquia para os seus jogos em casa.

A nossa formação é constituída por atletas sub-23 que passaram na sua grande maioria pelos escalões de formação rubro-negros (o guarda-redes DAVID MENDONÇA, que chegou a meio da época é excepção, tem 29 anos e foi júnior do Olhanense em 2006/07, tendo jogado no Marítimo Olhanense desde as escolas aos juvenis) e tem contado regularmente com o contributo de Rui Santos e de Nilson Jesus, que fizeram também parte do plantel da equipa principal.

Quem também começou a jogar a meio da presente campanha pelos sub-23 foi o avançado CLÁUDIO MARQUES (esteve no banco de suplentes na última jornada do Campeonato de Portugal, frente ao Estrela de Vendas Novas), ex-júnior do Salgueiros e do Nacional da Madeira, que se lesionou gravemente durante a pré-época ao serviço da equipa principal.

Na jornada passada a nossa equipa B defrontou outra formação da cidade, o 4 Ao Cubo -ADO, e venceu por resultado expressivo: 13-0. Pedro Albino foi “reforço” para o técnico Rui Pinto, e actuando como extremo direito marcou cinco golos. Esta semana vários outros atletas do plantel profissional treinaram com os sub-23 para manter ritmo e existe a possibilidade de algum deles jogar neste Sábado.

O próximo adversário é o Internacional de Almancil, que é vice-líder com os mesmos pontos do Guia (o 11 Esperanças, com uma vantagem de catorze pontos já se sagrou vencedor deste escalão).

No nosso vizinho alinha um ex-atleta rubro-negro, que fez parte do plantel campeão da 2.ª Liga em 2008/09, DIOGO AGOSTINHO. Este centrocampista, que oficialmente jogou de rubro-negro apenas na Taça da Liga, representou depois o Lagoa, o Quarteirense e o Campinense, estava inactivo desde 2011/12, regressando esta época ao emblema onde fez toda a sua formação, das escolas aos juniores.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.