MONCARAPACHENSE, 0 – OLHANENSE, 2

MONSCO201718equipas.jpg

A formação rubro-negra conseguiu mais um importante triunfo na sua caminhada, aproveitando assim também a derrota do Casa Pia para se distanciar no segundo posto, agora com quatro pontos de vantagem.

Sem os castigados Ivo Nicolau e Tiago Barros (ambos viram o quinto cartão amarelo na jornada passada), Saná fez o seu primeiro jogo a titular e Pedro Albino voltou ao “onze”, derivando Pedro Caeiro para o meio.

O Olhanense foi sempre a equipa dominadora, permitindo poucas ocasiões ao Moncarapachense para sair no contra-ataque. Contudo, o tento que permitiu à nossa equipa adiantar-se no marcador surgiu apenas a um quarto de hora do final, numa boa jogada de insistência no ataque concluída por Stevy Okitokandjo, que fez o seu terceiro golo em três jogos seguidos (curiosamente desde que passou a jogar de início).

Poucos minutos depois, o acabado de entrar Rúben Fidalgo não desaproveitou a oportunidade de marcar o seu sexto golo da temporada (e já é o nosso melhor marcador no campeonato), dando mais descanso aos numerosos adeptos rubro-negros que de se deslocaram a Moncarapacho e que pagaram 10 euros pelo bilhete.

MONSCO201718jogo.jpg

Uma fase do jogo de luta a meio-campo

FICHA DO JOGO:
Estádio António João Eusébio, em Moncarapacho
Árbitro: Rui Rodrigues (AF Lisboa)

MONCARAPACHENSE: Rui Dabó; João Tavira, Julián Bonilla, Marcos e Pedro Francisco; Márcio Sousa (Betinho, 77′), João Rosa e Diogo Romeiro (Fábio Teixeira, 88′); Januário (Tony, 88′), Landim e Fábio Marques;
Treinador: Tiago Raposo
Suplentes Não Utilizados: Kula (GR), André Marques e Daniel Jesus

OLHANENSE: Cléber Santana; Pedro Albino (Jefferson Encada, 65′), Pedro Caeiro, Daniel Materazzi e André Dias; Saná ( (Ruben Fidalgo, 74′) e Pedro Dias; Zé Turbo (Ítalo, 79′), Leleco e Rodrigo Parreira; Stevy Okitokandjo;
Treinador: Nilson Terroso
Suplentes Não Utilizados: Leandro Turossi (GR), Jota, Hassan e Galassi

Amarelos: Stevy Okitokandjo (61′) e Rúben Fidalgo (78′)

GOLOS:
0-1 por Stevy Okitokandjo (75′)
0-2 por Rúben Fidalgo (78′)

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.