«LIGA QUER APERTAR VIGILÂNCIA ÀS SAD»

Artigo de duas páginas no "Record"

Artigo de duas páginas no “Record”

Segundo um artigo de fundo publicado hoje no RECORD (apenas disponível na edição impressa ou na edição digital para assinantes), a Liga Portuguesa de Futebol Profissional prepara regulamentação do direito de propriedade nos clubes de futebol e as novas regras já deverão entrar em vigor na próxima época, pelo que se pode ler no diário desportivo.

A SAD rubro-negra aparece como pertencendo 20% ao clube e 80% a investidores externos, sendo listados os nomes de Igor Campedelli, Massimo Michelis e Aldo Pecini pelo diário desportivo.

Ou seja, não se confirma oficialmente, para já, a propalada venda da parte representada por Igor Campedelli à Sampdoria (apesar de termos recebido dois atletas desse emblema italiano por empréstimo na últiam janela do mercado de transferências).

Mas também continuamos sem saber se Massimo Michelis ainda detém alguma parte do capital, pois desde o início da presente temporada que não se encontra em Olhão e o seu nome até foi retirado da LISTA de cargos que consta no site oficial do Olhanense.

Outra preocupação para os adeptos rubro-negros e responsáveis da SAD rubro-negra é a falência do Parma, que tinha uma dívida pela transferência de Lucas Souza. Recorde-se ainda também que Mastriani está em Olhão por empréstimo desse mesmo emblema.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.