«FOMOS SEMPRE A EQUIPA QUE QUIS GANHAR»

No final da partida Sérgio Conceição afirmou que «não começámos o jogo da melhor maneira, mas fomos sempre a equipa que quis ganhar». O técnico lamentou ainda que «quando passava da hora, sofremos um golo de bola parada. Estávamos avisados, porque o Nacional é forte neste tipo de lances, mas um erro individual acaba por matar o jogo».

Em declarações que podem ser lidas no site do jornal RECORD, o timoneiro rubro-negro diz ainda que «temos de ser mais eficazes, ter mais ambição de, quando chegamos lá acima, querer matar o jogo. Porque, senão, sofre-se um golo como sofremos hoje e deita-se tudo a perder. É pena por tudo o que fizemos. As duas últimas derrotas, esta e a de Setúbal, não traduzem a verdade dos jogos em si».

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.